Conquistas nos Games

Artigo para o concurso de redação NB 10 anos

A empresa, seus consoles, franquias e personagens.
Índice do fórum Videogames Nintendo
    • + 5

Conquistas nos Games

Mensagempor Tody the Dancer » Qui, 19 Jul 2018, 20:38

Segue minha contribuição para o concurso. Escolhi escrever um artigo com o tema "opinião".

Espero que gostem.

Fico à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Abraços

=========================================================================

Conquistas nos Games


É difícil definir, quantificar e até mesmo estabelecer parâmetros para tentar, de alguma forma, rotular as várias ramificações da comunidade gamer, até porque esta vive uma constante mutação e nichos são criados e abraçados constantemente. Nos dias de hoje, muito diferente dos ambientes de locadoras do passado não tão distante, temos acesso a várias plataformas simultaneamente. Isso vai desde as mais “retro” até as de realidade virtual. Essa abundância de informações enriquece a jogatina e torna possível provarmos as mais diversas experiências que alguém poderia pensar estarem esquecidas no passado (ou, quem sabe, obscuras em um futuro ainda distante). É um fato com o qual convivemos diariamente.

Porém, há dentro da comunidade gamer um nicho muito especial. É, talvez, o denominador comum entre todos os grupos pois transcende as barreiras do tempo, das plataformas, da geração e até dos estilos de jogos.

Estou falando dos perfeccionistas.

Aqueles que buscam incansavelmente todas as conquistas, segredos, colecionáveis, fases secretas, o 100% e, quem sabe até por que não, 110% dos jogos.

É para falar sobre este tema que peço licença.


Sistemas de conquistas ontem e hoje

Hoje quando falamos de conquistas nos games é fácil remeter a sistemas complexos e estruturados, com medidores de “dificuldade” e classificação para cada uma delas. O acúmulo de conquistas agrega níveis, que ficam expostos à comunidade em geral e, em tese, determinam quão bom o player é em determinado jogo (ou pelo menos quão longe ou quanto tempo ele jogou). Na maioria das vezes as conquistas já estão disponíveis antes do lançamento do jogo, e não muito tempo depois do lançamento (às vezes na mesma semana) já é possível achar vários guias e tutoriais para atingir o 100%. O processo amadureceu e evoluiu, como tudo o mais que está a nossa volta. Mas, no fim do dia, o sentimento de satisfação é o mesmo que o de antigamente?


Imagem

(Sistema de trophies da SONY)
Fonte: http://www.playstationlifestyle.net/


O objetivo aqui não é contrapor presente e passado e ficar repetindo que “antigamente as coisas eram melhores”, mas perceba, as coisas eram de fato muito diferentes. Um exemplo muito bom disso é a trilogia original do Donkey Kong Country do saudoso SNES. Os jogos já não eram fáceis, muito pelo contrário, e alguns dos segredos eram ABSURDAMENTE bem escondidos. Para ajudar, muito pouco ou quase nada de dicas era disponibilizado. Nem mesmo menções do que estava faltando ou que fases ou mundos ainda apresentavam coisas pendentes.

A solução era jogar e re-jogar as mesmas fases dezenas de vezes até descobrir aquele caminho secreto, aquele pulo difícil, aquele bônus aparentemente inalcançável... ou então esperar meses até ser lançada a revista com o detonado (e torcer para ela não ter acabado na banquinha).

E quanto atingíamos o tão sonhado 100%... aaaah, que satisfação.

O sentimento de conquista era muito mais pessoal. E o reconhecimento? Não havia nenhum. No máximo, para se gabar com o colega, emprestava a “prova”, que era o cartucho com o save na memória (e que Deus perdoe os saves sobrepostos ou apagados por engano).


Imagem

(Imagem de satisfação na época do SNES)
Fonte:https://www.deviantart.com/


Tudo bem que não havia essa enxurrada de games novos todas as semanas, as coisas não eram tão acessíveis, e muitas vezes a única opção de jogo era aquela por vários meses. Mas isso tudo só fomentava a vontade de vencer o jogo.

A coisa toda mexia com o nosso brio.

Nem de longe quero dizer que as conquistas hoje são mais fáceis, afinal, mesmo com toda a ajuda do mundo, conseguir as 999 power moons de Mario Odyssey vão demandar bastante tempo e esforço, e o compartilhamento das informações e conquistas com os amigos é, sim, legal. O que nos leva ao próximo tópico.


Jogar para se divertir ou para bater meta?

Em alguns meses teremos a nova rede online da Nintendo rodando. Muito já foi falado e especulado sobre, porém, alguns pontos ainda são bastante obscuros. Uma dúvida que eu particularmente tenho é justamente essa: se a Nintendo implementará algum sistema de conquistas semelhante ao modelo utilizado por suas concorrentes.

Minha opinião é de que sim, seria uma boa, porém que o formato fosse bem pensado e estruturado. As conquistas ajudam realmente a manter a vida útil do game, mas da mesma forma podem mata-lo se, por exemplo, todas as conquistas forem atingidas sem a necessidade do 100% do jogo.

Se for algo realmente a ser implementado, que seja inovador como em tudo que a Nintendo faz, e não apenas um mecanismo a alimentar o ciclo do jogo “pelo atingimento de metas” e “acúmulo de conquistas” ao invés do jogo pela diversão, que é afinal a razão dos videogames existirem. Que jogos não deixem de ser jogados porque seu 100% é muito difícil, ou que tudo seja conquistado em uma tarde de maneira mecânica através de tutoriais no youtube, sem qualquer emoção ou surpresa de descobrir as coisas por si só. Acho sinceramente que é algo que deve ser pensado com bastante carinho.


Imagem

(Mario pensando sobre um sistema de conquistas para a Nintendo)
Fonte:https://nintendo.blog.br


Uma alternativa bastante interessante é que o compartilhamento das conquistas seja algo facultativo e que acarretem em prêmios in game, como skins, insígnias, acesso a determinados locais... enfim, algo que realmente nos faça ter vontade de correr atrás pelo jogo em si.

Imaginem por exemplo que, se na nova plataforma forem disponibilizados jogos antigos (de NES e SNES), que estes tenham um sistema de conquistas. Seria o motivo para, uma vez mais, revivermos nossas aventuras clássicas preferidas.

Dentro do que mencionei, da sugestão de conquistas in game, imaginem por exemplo um Super Mario World onde fosse possível conquistas skins de jogos antigos como a de texugo do Mario Bros 3 ou de jogos mais atuais como a de gato do Super Mario 3D World. Ou quem sabe montar um Birdo ao invés de um Yoshi. Não há necessidade de qualquer alteração nas mecânicas do jogo, apenas seria divertido, diferente e nostálgico. Tudo ao mesmo tempo. As possibilidades são infinitas.

Outro ponto de interrogação no caso de um sistema de conquistas por parte da Nintendo é: o que acontecerá com os jogos já lançados? Haverá conquistas retroativas? Jogos deverão ser jogados novamente? Particularmente não acho isso um problema ou mesmo algo relevante, é apenas mais uma coisa a ser pensada.


Enquanto isso...

Sinceramente não sei o que o futuro gamer nos reserva, nem se a Nintendo implementará algum tipo de sistema de conquistas, ou se mesmo as concorrentes continuarão com seus modelos atuais. Esse tema das conquistas é bastante interessante e hoje influencia uma parcela significativa dos gamers. Não é algo essencial... mas até alguns anos atrás, jogar online, comunicação por áudio durante as partidas, saves em memory card (e posteriormente em HDs) e poderio exclusivamente gráfico também não eram, e pensando bem continuam não sendo, mas influenciam significativamente até hoje modelo como a indústria dos games funciona.

A única coisa que sei com certeza é que não há uma resposta completamente certa ou errada para este tema e que, enquanto debatemos, as jogatinas continuam, e amadurecem com o nosso debate, porque no fim das contas quem dita os rumos da indústria somos nós, os gamers.

Eu particularmente espero continuar me divertindo, seja com uma partidinha casual, ou buscando as mais difíceis conquistas, fiquem elas registradas, guardadas ou estampadas em algum lugar ou não. :hehe:


Imagem

(Diversão: o mais importante)
Fonte:http://brnewstendo.blogspot.com/
Avatar do usuário

Voltar para Nintendo

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Google [Bot] e 9 visitantes