OMS vai reconhecer vício em videogames como transtorno mental a partir de 2018

Aqui é o lugar para bater papo e discutir qualquer assunto não relacionado a games.
    • + 0

OMS vai reconhecer vício em videogames como transtorno mental a partir de 2018

Mensagempor Sonymaster » Sex, 22 Dez 2017, 12:16

A Organização Mundial da Saúde anunciou nesta quinta-feira (21) que o vício em videogames vai ser reconhecido como transtorno mental na próxima edição da Classificação Internacional das Doenças (CID), que será publicada em 2018.

Imagem

De acordo com o texto atual, o transtorno se caracteriza quando as jogatinas.

“se tornam mais importantes que outros interesses da vida e continuam/aumentam mesmo com consequências negativas”.


Para alguém ser diagnosticado com o Transtorno do Videogame, os sintomas precisam ser evidentes no período de 12 meses (com exceção de casos extremos). A falta de controle na frequência, duração e intensidade das sessões também é fator determinante para o diagnóstico.

A medida tem vários críticos, incluindo Allen Frances, psiquiatra que liderou a redação do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais. Segundo ele, “bilhões de pessoas ao redor do mundo são viciadas em cafeína por pura diversão ou por um melhor desempenho” e que isso raramente causa problemas. Para o médico, a situação é a mesma com videogames.

Em entrevista à New Scientist, Vladimir Poznyak, líder do Departamento de Saúde Mental e Abuso de Substâncias da OMS, os especialistas da área precisarão reconhecer que o vício em jogos pode trazer consequências graves para os pacientes. Quando questionado sobre o motivo de outros vícios similares serem integrados à CID, Poznyak explicou “que não existem estudos suficientes que comprovem os efeitos negativos” do uso excessivo de outras tecnologias.

No Brasil não existe uma estimativa de pessoas viciadas em jogos eletrônicos. Nos Estados Unidos e na Europa, entre 1% e 5% dos jogadores são considerados dependentes. Já nos países asiáticos, onde o problema é mais sério, a taxa chega a 10%.

Com a inclusão do transtorno na CID, o diagnóstico e o tratamento do problema pode ser facilitado, segundo a OMS. Além disso, a classificação específica da doença também pode incentivar o apoio de agências para a investigação do tema.

Fonte: Jovem Nerd
Sega x Nintendo
Jogador de Videogame das décadas de 1980 e 1990.
(Atari / Nintendo / Super Nintendo / Master System / Mega Drive / Arcade)


Imagem
Avatar do usuário

    • + 0

Mensagempor Sheik » Sex, 22 Dez 2017, 15:57

Nada de anormal. Claro, o cara que joga e compra jogos com frequência é normal, tal como o cara que bebe com frequência. Agora o cara que se destrói por isso não é normal e tem que se tratar.
Imagem

PSN, Live, Steam e NNID

Avatar do usuário

    • + 2

Mensagempor Nightwalker » Sex, 22 Dez 2017, 16:13

Pode me internar já :hehe:
Imagem


Nintendo switch friend code

SW-2951-0500-7235
Avatar do usuário

    • + 0

Você é viciado em games? Saiba quando a diversão se torna um problema

Mensagempor Arthimura » Qui, 04 Jan 2018, 15:41

Então, o vício em vídeo-games agora é considerado distúrbio mental pela Organização Mundial de Saúde.

Vocês podem ver mais detalhes em: https://jogos.uol.com.br/ultimas-notici ... oblema.htm

Vocês conhecem alguém que é viciado em vídeo-games? Se consideram viciados? Discorram.
Avatar do usuário

    • + 1

Mensagempor Wind Ice » Qui, 04 Jan 2018, 15:52

Eu não cheguei a ver o que eles consideram como vício em videogames, mas vi muita gente reclamando dessa medida.

Eu acredito que dependendo do nível de tempo que alguém gasta (ou até necessita gastar) em jogos, pode sim ser um vício e ser um distúrbio mental. Qual o problema disso ter o apoio da OMS? Simplesmente não sei porque as pessoas estão reclamando...
Imagem
I think I've found what I was looking for all this time. I, who was always alone... found comrades for the first time. - Jin
Avatar do usuário

    • + 0

Mensagempor Mastxadows » Qui, 04 Jan 2018, 15:58

Quando a pessoa começa a jogar ao invés de fazer coisas importantes da vida dele isso vira um problema, mas se a pessoa só joga no seu tempo livre não tem problema, eu mesmo nem gosto de sair de casa(e nem tenho com quem sair mesmo e sair sozinho é um saco) então eu jogo videogames.
Minha equipe atual em Pokémon Ultra Sun
Imagem
Avatar do usuário

    • + 7

Mensagempor lpslucasps » Qui, 04 Jan 2018, 16:00

Apesar de banalizarmos a palavra, vício não é simplesmente gostar muito de alguma coisa. Vício é quando você vive em função de algo, tem um comportamento obsessivo-compulsivo que te levar a consumir aquilo sem parar. A OMS não está dizendo que quem gosta de passar o fim de semana todo jogando WoW ou perdeu algumas noites no LoL é doente, e sim que se você está pondo a sua saúde ou de outra pessoa em risco por causa de algo que deveria ser uma fonte de entretenimento, talvez seja o caso de procurar ajuda. Não vejo nada de polêmico nisso.
Imagem
Avatar do usuário

    • + 0

Re:

Mensagempor Robert Prado » Qui, 04 Jan 2018, 16:17

lpslucasps escreveu:Apesar de banalizarmos a palavra, vício não é simplesmente gostar muito de alguma coisa. Vício é quando você vive em função de algo, tem um comportamento obsessivo-compulsivo que te levar a consumir aquilo sem parar. A OMS não está dizendo que quem gosta de passar o fim de semana todo jogando WoW ou perdeu algumas noites no LoL é doente, e sim que se você está pondo a sua saúde ou de outra pessoa em risco por causa de algo que deveria ser uma fonte de entretenimento, talvez seja o caso de procurar ajuda. Não vejo nada de polêmico nisso.

Além disso, acho que a compulsão por comprar jogos seja algo que necessite tratamento, por exemplo. O backlog de muitos (eu, incluso) chega a incluir centenas de jogos e ao meu ver isso aí precisa de tratamento também. No final das contas, tudo em excesso acaba fazendo mal.
Imagem
STEAM

Nintendo 3DS Friend Code: 3454-4180-5860
Nintendo Switch Friend Code: 0371-9094-8528
Street Fighter V ID: john_prado
(quem for adicionar, me manda MP)
Avatar do usuário

    • + 3

Re: Re:

Mensagempor lpslucasps » Qui, 04 Jan 2018, 16:20

Robert Prado escreveu:Além disso, acho que a compulsão por comprar jogos seja algo que necessite tratamento, por exemplo. O backlog de muitos (eu, incluso) chega a incluir centenas de jogos e ao meu ver isso aí precisa de tratamento também. No final das contas, tudo em excesso acaba fazendo mal.

Acho que consumismo compulsivo (não necessariamente de games, mas de qualquer coisa) já é considerado um distúrbio comportamental pelas entidades médicas/psicológicas.
Imagem
Avatar do usuário

    • + 5

Mensagempor Chazzy » Qui, 04 Jan 2018, 19:39

Sou.
Imagem
Avatar do usuário

    • + 0

Re:

Mensagempor Arthimura » Qui, 04 Jan 2018, 22:54

Eu não sou viciado, só gosto bastante de vídeo-games mesmo. Mas teve uma época que considero que passei dos limites, foi quando eu jogava Hearthstone, fiquei obcecado com o jogo e jogava DEMAIS. Só parei quando "zerei" o jogo, que peguei rank lendário e 12 vitórias na arena, aí eu perdi o interesse.

De resto eu acho que ia ser até bom se eu fosse mais viciado, hoje em dia só tenho ânimo pra jogar obras primas e olhe lá.

Robert Prado escreveu:
lpslucasps escreveu:Apesar de banalizarmos a palavra, vício não é simplesmente gostar muito de alguma coisa. Vício é quando você vive em função de algo, tem um comportamento obsessivo-compulsivo que te levar a consumir aquilo sem parar. A OMS não está dizendo que quem gosta de passar o fim de semana todo jogando WoW ou perdeu algumas noites no LoL é doente, e sim que se você está pondo a sua saúde ou de outra pessoa em risco por causa de algo que deveria ser uma fonte de entretenimento, talvez seja o caso de procurar ajuda. Não vejo nada de polêmico nisso.

Além disso, acho que a compulsão por comprar jogos seja algo que necessite tratamento, por exemplo. O backlog de muitos (eu, incluso) chega a incluir centenas de jogos e ao meu ver isso aí precisa de tratamento também. No final das contas, tudo em excesso acaba fazendo mal.


Isso é complicado, eu fiquei uns bons anos acumulando o meu backlog, tem jogo que comprei faz uns cinco anos e até hoje não joguei. Eu sentia necessidade de ter mais opções e achava que ia ser mais feliz se tivesse o jogo x.

Mas eu comecei a perceber que não fazia sentido continuar comprando jogos se eu não dou conta com a mesma velocidade, são apenas mais jogos na estante (ou pior, fotos numa biblioteca digital), aí eu comecei a utilizar o meu dinheiro reservado para entretenimento para outras coisas, é bem libertador porque você aproveita outras coisas interessantes da vida e continua aproveitando vídeo-games, jogando o seu backlog e apenas comprando jogos que você quer jogar de imediato.
Avatar do usuário

    • + 0

Mensagempor Nan Gamer » Sex, 05 Jan 2018, 11:05

Sério? Ahh tah.... :boring:
Avatar do usuário

    • + 2

Mensagempor Cortex » Sex, 05 Jan 2018, 13:55

Olha, na verdade eu acho que a colocação não se deve simplesmente ao senso se jogar casualmente e sim de foram obsessiva, assim como minha vó diz "tudo demais, faz mal", sendo que até água em excesso.

Então jogos encaixa sim como qualquer outra coisa, o problema disso é que "video-games" no sentido literal, é de certa forma generalizado pro lado ruim, nesse caso eu acho péssimo. Pq a impressão dos jogos aos olhos da sociedade não é dos melhores.
Avatar do usuário

    • + 0

Re:

Mensagempor Ryuuma » Qua, 24 Jan 2018, 22:09

Cortex escreveu:(...)o problema disso é que "video-games" no sentido literal, é de certa forma generalizado pro lado ruim, nesse caso eu acho péssimo. Pq a impressão dos jogos aos olhos da sociedade não é dos melhores.


Mas não é como se isso fosse novidade anyways.

No fundo a visão de videogame está mudando bastante. A nerdizada que cresceu jogando tá começando a trampar e VG passou a ser visto mais como um hobbie do que antigamente, quando era só coisa de criança.

Sobre o fato de considerar um vício, faz todo o sentido.
Avatar do usuário

    • + 0

Mensagempor aonesur » Ter, 17 Ago 2021, 15:16

Não consegui ver o que eles consideram um vício em videogame, mas vi muitas pessoas reclamando dessa medida.
Avatar do usuário

Próximo

Voltar para Geral

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 7 visitantes

cron